Em prol da paz

Em prol da paz

Sonia Racy

16 Outubro 2016 | 02h00

EXCLUSIVO DIRETO DA FONTE A Corrida Pela Paz – que esse ano acontece no dia 6 de novembro – sempre emocionou Adriana Feffer Skaf, da AGSport. A parceira de longa data do evento – promovido pela ONG Caminho de Abraão, presidida por Willian Ury –, esse ano, entrou para a logística do projeto cheia de ideias. Uma delas foi unir forças para levar as famosas palavras gigantes como – “paz” e “amor” – para além do trajeto da corrida. Esse ano estarão presentes em bairros como Paraisópolis, Brasilândia, Capão Redondo e Cidade de Tiradentes. O objetivo é que as intervenções sejam realizadas com os jovens da região e que o projeto possa ser perene, envolvendo diversas comunidades. “Todos os conceitos que trabalhamos na corrida, como ética, paz, amor e integração têm que estar presentes em nossas vidas o ano todo, não só no mês de novembro. Por isso a nossa ideia é criar um movimento contínuo mesmo”, explica a empresária. Assim como no ano passado, artistas plásticos se engajaram na ideia. Agora com o apoio de cinco galerias (Raquel Arnaud, Nara Roesler, Zipper, Pilar e Luísa Strina) cujos artistas como Geórgia Kyriakakisda, Paulo Bruscky, Camille Kachani, Zezão, Maurício Adinolfi, Erica Ferrari e Beto Shwafatyda emprestarão seus talentos para lembrar os paulistanos dos valores que permeiam a corrida – que começa no Clube Monte Líbano e termina no Parque do Povo. E que espera mais de sete mil inscritos.