1. Usuário
Direto da Fonte
Assine o Estadão
assine
Direto da Fonte

Direto da Fonte

Sonia Racy

Deltan Dallagnol adverte contra reação do ‘sistema’ às ações da Lava Jato

Por Sonia Racy

14/03/2016, 13h28

   

Em texto que postou em seu site no final desta manhã, o procurador Deltan Dallagnol, do MPF de Curitiba,  faz uma comparação entre a Lava Jato e a Operação Mãos Limpas, da Itália nos anos 90, e pede apoio ao trabalho do Ministério Público e da PF contra manobras dos denunciados.

“A Mãos Limpas acabou em grande parte em impunidade. Precisamos garantir que a Lava Jato tenha sucesso, diz ele. Lembrando entrevista publicada pelo Estado, no fim de semana, com o juiz italiano Antonio Di Pietro, principal juiz da operação italiana, ele admitiu que o Brasil “tem muito a aprender com a experiência italiana” e que o atual momento vivido pelos brasileiros “é idêntico ao vivido na Itália nos anos 1990″.

Ele assinala, no entanto, que lá “o sistema contra-atacou e mais de 40% dos processos foram anulados por manobras do Parlamento”. E conclui: “É este o nosso grande desafio. Mudar a legislação e tentar combater a impunidade e a corrupção, para que aqui possamos ter um final melhor”.

 

/)

 

 

Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Estadão.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Estadão poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Você pode digitar 600 caracteres.