Deixa estar

Sonia Racy

06 Maio 2015 | 01h07

Apesar da pressão, Beto Richa não cogita trocar seu secretário de Segurança, Fernando Francischini.O governador admite recuos para minimizar o desgaste provocado pelo confronto da PM com os professores, mas entende que substituir o secretário seria fortalecer o discurso do PT de que houve “massacre”. Delegado da PF, Francischini tem forte influência na corporação do Paraná.