Das artes

Sonia Racy

10 Setembro 2014 | 01h03

Andrea Matarazzo não entende as críticas em relação à exposição instalada no Hospital Matarazzo e tampouco ao projeto imobiliário montado pelo francês Alex Allard. “Finalmente, depois de 30 anos de abandono imposto pela fracassada estatização da entidade, nos anos 80, ele volta a ter vida.”

Para o vereador tucano, o restauro e desenvolvimento dos antigos prédios como centro de cultura e economia criativa é peça fundamental para a revitalização de toda a região e recomposição da história da cidade.