Conib leva ao STF posição sobre Marco Civil da Internet

Sonia Racy

02 Maio 2018 | 00h55

Fernando Lottenberg, da Conib, entregou aos ministros do STF, na sexta-feira, um memorando sobre a constitucionalidade do Marco Civil da Internet.

No documento a confederação defende a exclusão de conteúdos de ódio, de mensagens discriminatórias nas redes sociais e a responsabilização civil de provedores de internet, websites e gestores de aplicativos por danos decorrentes de atos ilícitos praticados por terceiros.