Calor em Aparecida cria o look “terno-boné-bronzeador” entre políticos

Calor em Aparecida cria o look “terno-boné-bronzeador” entre políticos

Sonia Racy

12 Outubro 2017 | 12h40

 

ALCKMIN (AO ALTO), IMBASSAHY (COM BONÉ NA MÃO) E KASSAB (ACIMA): 31 GRAUS ÀS 10 DA MANHÃ EM APARECIDA.

Um calor de 29 graus às 9 da manhã, que já superava os 31 graus uma hora depois, em Aparecida, forçou o pelotão de políticos a algumas adaptações na manhã desta quinta-feira, durante a missa campal que celebrava os 300 anos da aparição da imagem da santa. Geraldo Alckmin  improvisou o look “terno e boné”. E Antonio Imbassahy e Gilberto Kassab, que vieram representando Michel Temer, arrumaram boné emprestado da Polícia Rodoviária Federal.

O governador levou consigo, a tiracolo, um protetor solar — ela sabia que o clima seria como o de sua Pindamonhangaba ali pertinho. Assim, ele acabou também por exercitar, durante a missa, a partilha do frasco com os demais políticos à sua volta.


Pouco depois, a equipe do Santuário Nacional conseguiu bonés para todas as autoridades — e Alckmin repassou o que tinha para uma criança sentada na fileira de trás.