A Ilha de Sacalina, de Tchekhov, ganha edição brasileira

Sonia Racy

30 Agosto 2017 | 00h38

A Ilha de Sacalina, de Tchekhov, vai ser publicada pela Todavia. A obra – que nunca saiu no Brasil – é um relato da viagem do escritor à ilha presídio, quando ainda era um jovem médico.

No livro, o russo descreve as condições de vida de presos condenados a trabalhos forçados e de carcereiros. A tradução ficou a cargo de Rubens Figueiredo.