MinC ‘terceiriza’ gestão da Cinemateca

Sonia Racy

11 Março 2018 | 12h12

CINEMATECA EM SP. FOTO SERGIO CASTRO/ESTADÃO.

Com uma canetada do ministro Sá Leitão, a Cinemateca tornou-se a primeira instituição de cultura federal a ser administrada por uma organização social – no caso, a Acerp, Associação Comunicativa Roquette Pinto.

Detalhe: a atual coordenadora Olga Futemma e as equipes serão mantidas.

Nova fórmula incluirá
museu ainda este ano

A ideia, no MinC, é levar adiante esse modelo de gestão, sempre via licitações.

Pelo menos um dos museus ligados ao Ibram – ainda por definir – deve também ser transferido ainda este ano.