Em Frankfurt, a homenagem de autores e livreiros a Sergio Machado

Sonia Racy

20 Outubro 2016 | 00h15

Paulo Rocco fez um discurso, o agente Ed Victor também falou, e as mais de 100 pessoas em volta ouviram emocionadas. Foi assim, ontem, a homenagem de amigos e editores à memória de Sergio Machado na Feira de Frankfurt.

Promovida no hotel Frankfurter Hof, onde o publisher da Record, morto em julho, hospedou-se durante décadas quando ia à cidade.