Globo e Band perdem audiência no segundo jogo do Brasil
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Globo e Band perdem audiência no segundo jogo do Brasil

Cristina Padiglione

17 Junho 2014 | 19h45

AFP PHOTO / FABRICE COFFRINI
        A Globo somou 33,6 pontos, o que equivale a 34% dos domicílios na Grande São Paulo, e a Band, 8,2 pontos, com a transmissão de Brasil X México, segundo dados preliminares da medição instantânea do Ibope.
Na partida inaugural, quinta-feira, a Globo havia conseguido 35 pontos nos dados preliminares (que depois se transformaram em 38 na audiência consolidada, divulgada no dia seguinte) e a Band, 9 pontos.

A queda de hoje no Ibope só reflete o tom morno do zero a zero nos ânimos do público.

AUDIÊNCIA LATINA

Já nos primeiros balanços divulgados pelo Ibope para a inédita soma de 12 países em relatórios consolidados 48 horas úteis após cada partida, há dados interessantes.
O Panamá aparece como o país que mais capacidade tem de reunir gente para ver o mundial diante da TV, independentemente dos times em campo. É claro que a fatia porcentual de domicílios onde a Copa estará sintonizada, no Panamá, não será maior que a do Brasil quando a seleção brasileira estiver jogando. É óbvio que o Panamá não terá fatia maior que a Colômbia quando a seleção colombiana estiver jogando, o mesmo valendo para o Chile.
Mas, no caso de Brasil e Croácia, a soma dos dados de TV paga e TV aberta no Brasil indicou que 50% das casas brasileiras viram o jogo pela TV. No Panamá, esse índice chegou a 49%. No Uruguai, a partida também foi bastante assistida, chegando a 47% dos lares.

O Uruguai também liderou a fatia de audiência para Inglaterra e Itália, com 39% de sintonia. Já para a partida entre seu time e a seleção de Costa Rica, o Uruguai chegou a registrar 49% dos domicílios vendo o jogo, que na Costa Rica também atingiu 49% das casas – no Brasil, a plateia alcançou só 22%.
Voltando a Inglaterra X Itália, a partida teve 36% de audiência no Panamá e no Paraguai, abaixo do porcentual registrado no Brasil (24%) e Argentina (29%), países com mais descendentes de imigrantes italianos.

Mesmo dobrando público aqui ou triplicando ali, o ibope de Globo e Band para a Copa já foi melhor em outros mundiais. Em relação a 2010, a Globo chegou a 40 pontos no segundo jogo da competição – no mínimo 6 pontos a mais que a partirda de hoje – e a Band, que hoje fez 8,2, marcou 10 na segunda partida do mundial da África do Sul.