Obras de J. R. R. Tolkien têm nova editora: a HarperCollins Brasil
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Obras de J. R. R. Tolkien têm nova editora: a HarperCollins Brasil

Livros inéditos no Brasil do autor de 'O Senhor dos Anéis' começam a ser publicados ainda em 2018

Guilherme Sobota

12 Março 2018 | 11h07

As obras de J.R.R. Tolkien ganham uma nova editora no País: a HarperCollins Brasil vai publicar os trabalhos do autor de O Senhor dos Anéis, a começar por um título inédito no País. Beren e Lúthien deve sair em novembro.

Segundo um comunicado divulgado nesta segunda-feira, 12, a editora pretende reposicionar a obra do autor britânico no mercado brasileiro, com um “trabalho forte de distribuição” e evidência a outros trabalhos além da trilogia original de O Senhor dos Anéis.

The History of Middle-Earth, que numa edição recente nos EUA tem 5,3 mil páginas, também será editado por aqui, pela primeira vez.

J.R.R. TOLKIEN (1892-1973). S11 ARQUIVO 11-07-2013 CADERNO2 DOIS J. R. R. Tolkien, autor de O Senhor dos Anéis, que está sendo biografado em J. R. R. Tolkien - O Senhor da Fantasia, de Michael White (Darkside Books) The Granger Collection, New York / The Granger Collection

J. R. R. Tolkien (1892-1973). Foto: The Granger Collection

“Em outros países, particularmente na Europa e nos Estados Unidos, a obra de Tolkien tem status de literatura canônica. Queremos estender essa percepção ao Brasil, e isso passa por uma revisão dos critérios editoriais, divulgação, marketing e até tradução”, explica, na nota, o diretor editorial da HarperCollins Brasil, Omar de Souza.

Segundo a editora, a negociação com os herdeiros levou mais de um ano.

Samuel Coto, gerente editorial na HarperCollins Brasil, será o responsável pela edição de J.R.R. Tolkien na editora.

“Fui criado lendo a obra de Tolkien, sempre fui fascinado por seu universo mitológico”, diz, no comunicado enviado nesta segunda. “Mais que uma responsabilidade, editar sua obra é uma espécie de realização de um sonho. Como editor, terei a oportunidade de dar ao Legendarium, e a outros títulos além da mitologia principal, o tratamento editorial esperado por fãs como eu.”

Mais conteúdo sobre:

J. R. R. TolkienJ. R. R. Tolkien